6º Festival do Japão

6º Festival do Japão

A maior festa da cultura japonesa acontece de 5 a 7 de maio, no Expobrasília, Parque da Cidade

Exposições de objetos, plantas e acessórios da cultura oriental, mais de 20 shows musicais, exibições de artes marciais como kendô (esgrima), kyudo (arco e flecha), ninjútsu (dos antigos ninjas), caratê, judô e jiu-jitsu, além de street dance, taisô (ginástica rítmica e alongamento), a tradicional dança Bon Odori e também a animada Matsuri Dance. E, ainda, karaokês, desfiles de cosplayers, oficinas, concurso de Miss Nikkey DF (as beldades nipônicas de Brasília), show de drift (técnica de direção de carros que consiste em deslizar nas curvas), bazar, workshops e o melhor da culinária japonesa para ser saboreada em mais de 20 estandes gastronômicos. O Festival do Japão tomará conta da capital federal com todas estas atrações que permitem ao público entrar em contato direto com a cultura nipônica.

IMG_5509

Em sua sexta e maior edição, o evento que já virou tradicional no Brasil e em sua capital  vai ocupar o Expobrasília – Parque da Cidade – de 5 (sexta-feira) a 7 (domingo) de maio em uma maratona que começa de manhã e só termina à noite. Serão três dias intensos, com celebridades e artistas da cidade que divulgarão as tradições japonesas e suas nuances. O que inclui a celebrada gastronomia washoku (cozinha japonesa tradicional), considerada Patrimônio Cultural Intangível da Humanidade. Udon (macarrão), camarão empanado, sushi, sashimi, temaki, okonomiyaki (espécie de panqueca frita) e todos os deliciosos crus e pratos quentes da cozinha oriental, como o yakisoba e yakitori (frango no espeto) feitos por quem sabe serão opções gastronômicas para o público se esbaldar.

Para além da praça de alimentação, o festival contará com dois palcos para receber cantores e bandas de músicas japonesas, grupos de danças folclóricas, como o Yosakoi Soran e o Odori e shows de taikô (tamboresjaponeses), com apresentações todos os dias. As bandas brasilienses de canções de animes (desenhos animadosjaponeses) Lunia e Skullzy, os cantores regionais Gabriela Sue e Roney Calazans, além dos concursos de karaokê e o brilhante show  de ilusionismo comandado pela dupla Edson e Kevin Iwasaki (SP) são algumas das atrações do evento. Nos palcos, as modelos também vão desfilar seu charme no concurso que escolherá a mais bela que receberá o título de Miss Nikkey DF 2017.

Imersão nipônica

Ao passar pelo Expobrasília, além de curtir os shows e saborear os tradicionais pratos da típica culináriajaponesa, o público vai poder comprar artigos e peças no bazar , conferir exposições, show de drift, fazer oficinas,  jogar e entrar no mundo dos personagens na ala de cosplayers, geek e nerds.

Dentre as exposições de relíquias da cultura oriental, haverá

De: Baú Comunicação <bauascom@daiblog.com.br>
Data: 18 de abril de 2017 15:05
Assunto: Release: Festival do Japão chega a sua 6ª edição com atrações musicais, exposições e muito mais!
Para: Baú Comunicação <baucomunicacao@daiblog.com.br>mostras de cerâmica yakishi (técnica com mais de 2 mil anos de existência) , ikebana (arranjos florais), bonsai (árvores miniaturizadas), quimonos (trajes típicos de seda), shodô (caligrafia artística), sumi-ê (pintura monocromática com tinta a base de carvão e papel de arroz), além do artesanato local. Ainda,  a exposição Washoku  – Cozinha Japonesa chega com um acervo de 50 réplicas de pratos japonesestradicionais.

Já no espaço de cosplay, geek e nerd, a galera que gosta de se vestir de personagens de séries, desenhos e filmes vai marcar presença.  Cosplayers famosos da cidade vão desfilar e interagir com todos. O público poderá também entrar na diversão e ir vestido como seu ídolo. A ideia é que sejam três dias de animação, com espaço para toda a família.

Destaque ainda para exibições de artes marciais e para o show de drift que será comandado pelo piloto Hélio Fausto e sua equipe da BSB Drift.  A modalidade nasceu no Japão e se espalhou pelo mundo após sucesso do filme “Velozes e Furiosos – Desafio em Tóquio”.

O evento trará também workshops, onde o público vai ter a oportunidade  de aprender técnicas milenares de cerâmica, origami (técnicas de dobraduras em papel), kirigami (técnicas de recorte em papel), sumi-ê (técnica de pintura com tinta à base de carvão e papel de arroz), shodô (caligrafia artística) e ikebana (arranjos florais) . Novidade desta edição, o workshop de karaokê vai permitir ao visitante se arriscar a cantar músicas japonesas. Detalhes sobre as inscrições pelo e-mail: contato@festivaldojapaobsb.com.br.

Quem quiser comprar artesanatos, plantas, flores ornamentais, roupas, souvenires e produtos naturais do Japão pode aproveitar os preços abaixo do mercado no bazar realizado com a participação de 100 estandes.

Vá para o Japão

Quer viajar para o Japão? A hora é agora. A Embaixada do país e a JICA – Japan International Cooperation Agency estarão presentes no festival com estandes de informações de intercâmbio cultural e técnico para jovens que queiram estudar na terra do sol nascente.

O Festival do Japão é uma iniciativa  da FEANBRA – Federação das Associações Nipo-brasileiras do Centro-Oeste com o apoio das Secretarias da Agricultura, Cultura e Turismo do DF, JICA, Japan Foundation, Escritório do Cônsul Honorário do Japão de Belo Horizonte e  Embaixada do Japão no Brasil. A programação completa e horários estão no site: festivaldojapaobsb.com.br/festival.

 
6ª Edição do Festival do Japão

Dias : 5, 6 e 7 de maio de 2017
Local: Expobrasília – Pavilhões A e B, no Parque da Cidade
Horários:  Sexta-feira (5/5): 12h às 22h
Sábado (6/5): 10h às 22h
Domingo (7/5): 10h às 18h
Ingressos: R$ 20 (inteira) ou R$ 10 (meia para estudantes, idosos, professores e pessoas com deficiência)
Promoção: Meia-entrada para quem doar 1 kg de alimento imperecível (exceto sal). O alimento será entregue para o Banco de Alimentos da Seagri-DF
Passe livre: Crianças até 5 anos
Vendas no local, pontos de venda e no site: www.festivaldojapaobsb.com.br
Informações: contato@festivaldojapaobsb.com.br.
Classificação: livre
Facebook: www.facebook.com/FestivalDoJapaoBrasilia

Culinária do Centro-Oeste é tema de prova do próximo MasterChef

Culinária do Centro-Oeste é tema de prova do próximo MasterChef

Na próxima terça-feira (2), os 16 participantes do MasterChef terão de mostrar seus conhecimentos regionais em uma prova de receitas típicas do Centro-Oeste do Brasil. O desafio contará com a participação dos chefs Ariani Malouf (Mato Grosso), Humberto Marra (Goiás), Mara Alcamin (Distrito Federal) e Paulo Machado (Mato Grosso do Sul). Divididos em dois times, os participantes terão 90 minutos para elaborar um menu com prato principal e sobremesa que será servido para 60 pessoas.

Os chefs convidados Humberto Marra, Ariani Malouf, Mara Alcamin e Paulo Machado
Os chefs convidados Humberto Marra, Ariani Malouf, Mara Alcamin e Paulo Machado

De volta à cozinha mais famosa do Brasil, os competidores do time perdedor enfrentam uma prova eliminatória que exige delicadeza, habilidade e técnicas precisas para conseguir executar uma truta e permanecer dentro da competição.

          

O MasterChef Brasil, formato da Endemol Shine Group, é uma co-produção da Band com o Discovery Home & Health. O programa vai ao ar todas as terças-feiras, às 22h30, na tela da Band (com transmissão simultânea no aplicativo da emissora para smartphones). A atração também é exibida às sextas-feiras, às 19h20, no Discovery Home & Health, com reapresentação aos domingos às 21h45. Saiba mais sobre o programa em www.band.com.br/MasterChef .

Festa londrina em Brasília – by Dicas do Edu

Festa londrina em Brasília – by Dicas do Edu

 

St. George’s Day: neste sábado, o London Street promovem festa tradicional inglesa na Asa Norte

london 2 abril

 

O new bar LONDON STREET PUB, localizado na comercial da 214 Norte, realiza no próximo Sábado, dia 29 de abril, a primeira edição do St. GEORGE’s DAY, fechando com muito lúpulo o mês comemorativo de abril. O evento, que começa às 17h, é uma homenagem à comunidade britânica residente na nossa cidade e faz referência à tradicional festividade do padroeiro da Inglaterra, São Jorge. A festa acontece na varanda da casa que será toda decorada nas cores inglesas, e a entrada é gratuita.

Quem passar pelo “Dia de São Jorge” do bar, poderá degustar chopes e cervejas especiais vindos diretamente do Reino Unido e saborear petiscos britânicos variados, sempre com o padrão de qualidade London Street. As cincos torneiras do charmoso balcão estarão abastecidas com brejas IPA, Red Ale, Stout e outros estilos artesanais incríveis. Tudo isso, ao som mecânico do que há de melhor no rock inglês, com hits de Beatles, Rolling Stones, The Who e Pink Floyd. Enfim, uma noite para fazer a alegria dos bons cervejeiros de Bsb… até sábado!

london 4 abril

– “A terra da rainha presenteou-nos com três coisas fantásticas: a invenção do futebol, os Beatles e a boa tradição das Cervejas Inglesas nos pubs… Brasília agradece!”_ (Fernanda Mesquita, proprietária do London Sreet)

 

Receba a Agenda de Bsb, via whatsapp (61) 99964-5826

Boa diversão!

Mr. Brownie lança campanha Páscoa Sem Caô com produtos especiais e dois novos endereços

TATO.MR

A Mr. Brownie lança a campanha Páscoa Sem Caô com novidades como o Ovo de Colher e o Brownie de Colher com novo sabor Bolo de Cenoura, Brownie e Brigadeiro. Também a marca está em e dois novos endereços da marca: Boulevard Shopping e Taguatinga Shopping. Para a marca, que há 17 anos conquista o paladar dos brasilienses loucos por delícias de chocolate, Páscoa é tempo de se lambusar. Páscoa sem Caôexalta os sabores, nada de lembrancinhas sem graça e sorrisos amarelos.

Do cardápio de produtos especiais para a data, o Ovo de Colher (R$ 39 – 250g) promete ser o carro-chefe nas versões Brownie com bolo de cenoura e brigadeiro ou Brownie com doce de leite. Os charmosos vidros de Brownie de Colher com bolo de cenoura e trufa de chocolate (R$ 16) também são ótimas sugestões para o Sr. Coelho entregar no domingo de Páscoa.

TATO.MR.1

TATO.MR.2

Os tradicionais brownies também têm espaço no catálogo especial com caixas com 4 unidades (R$16) ou 8 unidades (R$32) que podem ser montadas com sabores sortidos – doce de leite, ovo maltine, creme de avelã, trufa de chocolate, blondie (leite ninho), limão e coco.

Sobremesa especial

Para os chocólatras de plantão, durante todo o mês de abril será servido, apenas na loja Mr. Brownie (103 Sul), O Mr. Brownie Grand Volcano (R$ 59,90 para 4 pessoas), Base de Chocolate Meio Amargo, Doce de Leite, Pedaços de Brownies, 4 Bolas de Sorvete cobertos por uma Cúpula de Chocolate que derrete ao entrar em contato com a cobertura de chocolate meio amargo.

  TATO.MR.4

Endereços Mr. Brownie

Loja 103 Sul, Bloco E loja 06

Funcionamento: Terça a Domingo 10h – 21h

Loja CLN 108, Bloco D Loja 66

Funcionamento: Segunda a Sábado 10h – 18h

Shoppings

Boulevard Shopping – Segundo Piso – Em frente a Rihappy

Taguatinga Shopping – Terceiro Piso – Em frente a Magic Games

Conjunto Nacional – Primeiro Piso – Ao lado da H.Stern

Funcionamento:

Segunda a Sábado – 10h – 22h

Domingos – 14h – 20h

Mazutan Sushi e Ceviche

Mazutan Sushi e Ceviche

Em clima praiano, com um lindo deck bar, mesmo que no coração da capital da república, em frente ao Banco Central e a sede da Caixa Econômica Federal, inaugura o Mazutan, nova tendência gastronômica em pratos seafood e nipo-peruanos da cidade. O empresário Fillipe Oliveira (27), inspirou-se na nova tendência mundial, que vem ganhando os mais diversos paladares, com pescados frescos, leves, valoroso nutricional e sabores exóticos.

O proprietario Fillipe de Oliveira e o gerente administrativo Vvctor Barros – foto de Telmo Ximenes

O menu  é assinado pelo brasiliense Ronaldo Catão (53) – professor e fundador da Academia do Sushi Escola de Culinária Japonesa e autor do livro O Sushiman Técnicas, Receitas e Segredos, pela editora Senac – que oferece mais de 20 iguarias entre  ceviches, sushis, sashimis, gunkan-makis (ovas),  carpaccios e crostini.

As nove variedades de  ceviches da casa ganharam nomes e sabores do mundo como o Chinês (R$ 56,90) com peixe branco, lulas em anéis, camarão, molho de tamarindo, gergelim, acompanhado de tempurá de batata-doce. Entre eles está também o Norte Americano (R$ 56,90) com atum, bacon, pimenta malagueta, suco de limão, coentro, coalhada seca, tomates cereja e  tortilhas. O ceviche Mazutan (R$ 58,90), que é elaborado com salmão, camarão cozido, lula, pimenta dedo-de-moça, emulsão de abacate, suco de limão, cebola branca e coentro é apresentado com chips de banana. Também não podia faltar o ceviche clássico, que leva o nome Limeño (R$ 54,90), com peixe branco, marinado em suco de limão, cebola roxa e pimenta dedo-de-moça, bastões de batata-doce e aros de milho.

As exclusividades da casa são os oito duos de gunkan-makis (ovas) de salmão, peixevoador, ouriço e capelin (de R$ 20 a R$ 35 – o duo) e o Crostini Mazutan-Salmão (R$ 49,90), inspirado em prato considerado uma sensação gastronômica em Nova Iorque: o salmão fresco regado com azeite trufado, molho especial e decorado com mini folhas sobre uma massa crocante.

Além da proposta a la carte, a casa também oferece um moderno formato de auto-serviço, em uma pista com mais de 40 itens entre pratos quentes, sushis, sashimis e ceviche do dia, ao preço de R$ 89,90 o Kg, durante os almoços. A partir de abril, a casa abrirá também para os jantares, das 19h à meia-noite.

Na carta de bebidas, cervejas gourmets como a Baden, Eisenbah e destilados como saquês, vinhos, espumantes, uísques, vodcas e licores. O Mazutan conta ainda  com uma oferta de drinks,  como  as Caipifrutas (R$ 18), Caipisaquê (R$ 25) e  a bebida símbolo do Peru, o Pisco sour (R$ 20) .

Para as sobremesas,  a casa selecionou doces típicos do Peru, como   o  Suspiro Limeño,  à base de doce de leite com gemas, vinho do porto, finalizado com suspiro; e o japonês Yokan, elaborado com feijão azuki e servido com sorvete de creme. Os clássicos como  oPetit Gateau,  o Profiteroles e as Carolinas, aparecem para agradar aos paladares mais tradicionais. Todas as sobremesas têm preço único,  R$ 19,90 (cada).

O restaurante de somente  112 metros quadrados  se destaca na  quadra  gourmet (201 sul) pela charmosa  e minimalista fachada de cimento  queimado com luminárias em bambu. O projeto do designer de interiores  Thiago Vieira (35) apresenta também suas criações exclusivas como as luminárias, arandelas, biombos e painéis. O empreendimento comporta 96 clientes em dois pisos, uma agradável  área térrea ao ar livre com ombrelones e um charmoso bar em aço com acabamento cortein.

Para aqueles que preferem um espaço mais intimista, o piso superior proporciona um clima mais aconchegante com iluminação quente,  mesa de demolição e tijolos aparentes. “Toda a arquitetura reflete o conceito contemporâneo rústico, mas não descartamos a identidade com a capital,  perceptível em elementos como o concreto aparente, que dão simplicidade, elegância e aconchego aos clientes”, define Viera.

Fillipe não economizou para fazer do Mazutan um espaço gastronômico de destaque. Ele investiu meio milhão de reais  em pesquisas, consultorias, estrutura, equipe e treinamentos, gerando 15 vagas diretas e 10 indiretas no mercado de trabalho. “Tudo foi escolhido a dedo. Quero oferecer o melhor ao mercado gastronômico da capital. No Mazutan, os clientes terão uma boa experiência pela comida, pelo espaço e, futuramente, pela programação cultural que estamos elaborando.” explica.

Para o mestre da culinária japonesa, Ronaldo Catão, o Mazutan vem com a proposta de alta qualidade. “Temos, em Brasília, aproximadamente 90 empreendimentos que servem comida japonesa, mas posso assegurar que somente 5% deles oferecem bons pratos e com receitas tradicionais. Será um espaço que agradará aos comensais  e também à comunidade japonesa”, assegura.

O Mazutan funciona de segunda a sábado, das 11h30 às 15h e das 19h à meia-noite.

Yokan com sorvete sobremesa elaborada com feijao azuki – foto de telmo ximenes
Carpaccio de polvo com azeite trufado – credito telmo ximenes

Culinária Nipo-peruana

A “culinária nikkei” surgiu com a imigração japonesa ao Peru, entre os séculos XIX e XX. Com saudades da culinária típica, os imigrantes começaram a inserir ingredientes orientais e técnicas milenares aos tradicionais pratos peruanos, dando uma nova assinatura à cozinha daquele país. A partir da década de 1980,  o conceito da cozinha nikkei se arraigou de vez pelo país, deixando de ser exclusividade de alguns nichos para se tornar estrela em restaurantes de primeira linha e se transformar em um importante trampolim para a projeção da comida peruana como destaque em todo o mundo.

Fachada mazutan criada pelo designer  Thiago Vieira.
Fachada mazutan criada pelo designer Thiago Vieira.

Mazutan

CLS 201, Bloco C, Loja 19
Reservas: (61) 3226-9919
Funcionamento: Segunda a sábado das 11h30 às 15h
A partir de abril: das 19h à meia-noite.
Capacidade: 96
Acessibilidade
Aceita todos os cartões
Instagram: mazutan